Isa Colli: uma escritora do Brasil e do mundo 

Autora está em Água Claras para acompanhar os projetos e lançamentos de sua editora, a Colli Books

 A sede da Colli Books é na Bélgica, mas o coração da empresa fica no escritório localizado em Águas Claras, Brasília, onde Isa já viveu e atualmente mora um de seus filhos, Filipe, responsável por tocar os projetos da editora no Brasil.  A escritora está em Águas Claras para acompanhar de perto a produção dos livros e os lançamentos. Isa faz questão de manter essa rotina, vindo ao país ao menos quatro vezes por ano.

Ela mora na Bélgica e através da sua literatura virou uma cidadã do mundo, mas mantém as raízes firmes na sua terra natal, o Brasil. A autora começou a carreira literária em 2011, tendo lançado livros por várias editoras, em diversos países. E no fim ano passado, na contramão da crise que provocou o fechamento de muitas editoras e livrarias, decidiu criar seu próprio selo – Colli Books – para ter liberdade na escolha do temas, dar espaço a autores consagrados e descobrir novos talentos.

Referência na educação 

Na atual temporada, Isa participou da Bienal do Rio e visitou muitas escolas, além de palestrar no Seminário de Narrativas Visuais de Vitória (ES) e no Encontro Nacional de Conselhos de Alimentação Escolar, em Garulhos (SP).

Neste último evento, dia 4 de outubro, a escritora falou da importância da literatura na segurança alimentar. Ela contou sua experiência com “Luke, o macaco atleta”. O livro, adotado em várias escolas do país, vem acompanhado de material pedagógico que inclui o caderno do aluno e o manual do professor e tem ajudado nutricionistas e profissionais da educação, facilitando a introdução do tema em sala de aula.

“Luke fala de alimentação segura e traz um alerta sobre a obesidade infantil. As crianças foram influenciadas pelo exemplo do macaco atleta e conseguiram, por meio das atividades lúdicas, mudar seus hábitos alimentares, valorizando a prática de atividade físicas. Fico feliz de estar ajudando a multiplicar ações positivas. Todos sabemos que uma criança bem nutrida terá um melhor rendimento escolar”, afirma Isa.

No encontro, organizado pelo Fórum Nacional de Conselhos de Alimentação Escolar, Isa foi apontada como referência, ao lado de outros nomes como Fátima Menezes, do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE); Daniel Balaban, representante da Organização das Nações Unidas (ONU); e do renomado chef de cozinha Guga Rocha.

Em maio, o livro Luke foi citado em evento do Pacto de Milão, no Rio de Janeiro, como exemplo bem sucedido de prática pedagógica.

Trajetória de sucesso 

Isa lançou, ao todo, 14 títulos voltados ao público infantojuvenil, um romance e um livro de poesias. Pela Colli Books, publicou, em 2018, O aniversário de Margarida, A nuvem Floquinho, A gata Penélope e A fazendinha.

Esse ano, além de Luke, o macaco atleta, lançou na Bienal do Rio três livros: “Vivene e Florine e suas descobertas na Amazônia” – que alerta sobre os riscos do desmatamento -, “O rei está no Trono!” e “Ulisses no reino das letras douradas”. O rei é uma aventura do rato que desaparece dentro do próprio castelo.

“A história tem um desfecho engraçado, para mostrar que os reis são pessoas comuns, que tem uma vida como a nossa. É um livro para crianças em fase de alfabetização. São frases curtas, com conteúdo lúdico e muito colorido”, destaca a autora.

Em “Ulisses no Reino das Letras Douradas”, o rei é um livro antigo que tem o sonho de chamar a atenção da menina Iná. É uma história que mostra o valor da amizade e incentiva o amor pela literatura. Para o público adulto, a autora publicou “Fases Intimistas”, de poesias, e o romance “O Recomeço”.

Conquista de espaço no mercado editorial 

A Colli Books já começa a se consolidar no mercado editorial. Fazem parte do selo os escritores Fabiana Guimarães, que lançou na Bienal do Ceará o livro “A menina dos cabelos de alfenim”; Anete Lacerda, Cláudia Cataldi, Tais Faccioli e Tiago Vilariño, que lançaram na Bienal do Rio, respectivamente, “E se fosse você?”, “O sol que queria tomar banho de lua” e “O menino que descobriu as cores”, este último uma parceria entre mãe e filho. Tiago foi o autor mais novo desta edição da feira literária. Outro autor da Colli Books é Plinio Camillo, com o livro “Notas de Escurecimento”. Todos já estão com novos livros saindo do  forno. A meta de Isa Colli é dobrar, até 2021, o número de escritores no catálogo da Colli Books. Outras informações sobre a autora www.isacolli.com