Narla Aguiar, para onde a notícia levar

Conheci a Narla no final de 2016, quando nos encontramos na escada da Faculdade de Comunicação da UnB, onde fazíamos disciplinas como alunas especiais. Com a chegada do seu primeiro filho, seu projeto de mestrado segue pausado. Eu preferi concluir um MBA em Marketing e Inteligência Estratégica antes de retomar o mestrado.

Moradora de Águas Claras desde 2005, a jornalista da Record Brasília, Narla Aguiar, é um dos nomes e rostos mais conhecidos de quem acompanha a programação da emissora noticiando os acontecimentos do DF e entorno em todos os programas locais da casa. Um de seus trabalhos recentes, realizado com muita dedicação e várias horas de apuração, foi o julgamento da Adriana Villela, o mais longo da capital federal.

Com a visibilidade na telinha, vieram os convites para mestre de cerimônias em entidades diversas, além dos quase 40 mil seguidores que acompanham sua rotina de trabalho, alimentação, cuidados com a pele e com o cabelo, roupas e acessórios, gastronomia e viagens. E, ainda, o dia a dia do pet da família, Ted, e o pequeno Pietro, com pouco mais de um aninho, fruto de seu relacionamento de quase 12 anos, com o esposo, Aldrey.

Com sete anos de Record, relembra os momentos de entradas ao vivo para todo o Brasil no programa do saudoso jornalista do Cidade Alerta, Marcelo Rezende, que a apelidou de “biquinho de lacre”. A parceria durou quatro anos. Ele apelidava os repórteres que apareciam em seu programa de forma bem-humorada e inusitada, para gerar mais intimidade e empatia com os telespectadores. “Foi uma escola trabalhar com ele.

Aprendi muito sobre a profissão e sobre a vida em geral. Essa é uma passagem muito especial da minha carreira, que levo comigo sempre”. Ela escolheu o jornalismo pois sempre teve muita facilidade nas aulas de Português e de Redação na época escolar, e achava que trabalharia contando histórias em veículos impressos. Porém, a vida a direcionava sempre para emissoras, e a facilidade em narrar histórias em frente ao vídeo foi se tornando cada vez mais natural.

Sobre o futuro, a jornalista segue caminhando para onde a notícia a leva, enfrentando os desafios, aprendizados e delícias da nossa profissão.