Robótica Educacional prepara crianças para o futuro

Na “Era da Informação”, a adoção de novas tecnologias como ferramentas pedagógicas deixou de ser tendência e passou a ser essencial para atender às necessidades dos nativos digitais. Com esse propósito, a Escola Arara Azul implementou em 2017, em Águas Claras, a Robótica como disciplina para alunos, a partir do ensino fundamental 1.

Como atividade, a Robótica Educacional permite trabalhar o método STEAM, que reúne conhecimentos em ciência, tecnologia, engenharia, artes, e matemática, além de auxiliar no desenvolvimento de raciocínio lógico, criatividade, resolução de problemas, trabalho em equipe e habilidades de comunicação de forma lúdica.

A coordenadora do projeto de Robótica da Escola  Arara Azul e pesquisadora em tecnologias da Universidade de Brasília (UnB), Andreia Falcão, explica que, daqui cerca de 20 anos, a maioria das profissões será com foco em inteligência artificial e, mesmo que a escolha profissional seja ser médico ou professor de educação física, todos devem aprender a se relacionar com a tecnologia. “Estamos no processo do movimento “maker”, uma espécie de cultura “faça você mesmo”. E o promeiro contato com a programação e os kits de robótica podem despertar o interesse de criar seus próprios projetos e formar cidadãos que pensam “fora da caixa”, diz.

Essa nova prática traz para a educação uma nova realidade, onde o aluno passa a ser autor do seu próprio conhecimento e criatividade. “Essa proposta pode influenciar diretamente no meio em que o indivíduo está inserido, e possibilita a busca de soluçōes para os problemas que afligem a humanidade”, destaca a pesquisadora.

E o impacto da robótica no ensino vai além das disciplinas. De acordo com a mantenedora da Arara Azul, Êunia Maria, a escola incentiva a inovação e a cultura maker, mas também prepara os alunos para a vida. “Nossos pequenos aprendizes deixam de ser apenas consumidores para criar, resolver problemas e propor soluções. E isso aumenta a autoestima significativamente”, explicou.

Ao final do ciclo de aprendizagem, a escola apresenta uma Mostra de Robótica com os projetos desenvolvidos pelos alunos.