Ênio Lima e Gustavo Neto

Dupla sertaneja de Águas Claras comemora 10 anos de carreira com lançamento de trabalho inédito

Um mineiro e um brasiliense que não se conheciam, mas tinham em comum o amor pela música, especialmente a sertaneja. Cada um vivia sua vida, seguindo sua própria estrada. O mineiro insistindo no sonho de se tornar um cantor reconhecido batalhava na carreira de músico, cantava nas noites, tentava parcerias com outros cantores, e quanto mais empecilhos apareciam na sua frente, mais forte ele ficava. O brasiliense com “dedos afiados” para as cordas da viola e do violão seguia a vida comum, trabalhando na área de sua formação acadêmica, Administração de Empresas, mas quando o dom fala mais alto não tem escapar.
Um dia, um amigo em comum, observando o talento de ambos pensou: “Por que não juntá-los?” Convidou eles para se conhecerem numa roda de amigos, depois sondou o que cada um achou do outro e fez então a sugestão para que eles formassem uma dupla sertaneja. Os dois concordaram e formam então a dupla Ênio Lima e Gustavo Neto que comemora agora em 2018, 10 anos de carreira.

Carreira
Ao longo dessa década de muito trabalho e cumplicidade, eles gravaram 5 CD’s e 2 DVD’s. Mas foi em 2016 que a dupla viveu o ano mais inesquecível. Foi através da participação deles no programa Brasília Independente, da rede Globo, de onde saíram vencedores no quesito voto popular e foram recordistas na preferência do público. Entre os 10 finalistas, Ênio e Gustavo receberam sozinhos 40% dos votos totais. Foi a primeira vez que uma dupla sertaneja venceu o concurso.
E olha que a participação da dupla no programa quase não aconteceu, mas quis o destino que outra dupla fosse desclassificada porque já tinham contrato com uma gravadora (o que não pode acontecer, pois o concurso é voltado para artistas independentes), e foi então que Ênio e Gustavo conseguiram a vaga. De cara o público do DF amou a dupla, e votaram incansavelmente neles, além é claro, do fã clube dos cantores que votaram em massa, “praticamente dia e noite tinha fãs votando”, afirma Ênio.
“Foi maravilhoso para nós participar do Brasília Independente, a notoriedade foi uma das principais vantagens de ter participado. Até hoje onde a gente chega todo mundo nos reconhece, ainda somos chamados de “os meninos do Brasília Independente”, a vitória trouxe um destaque muito grande, fomos convidados para participar de alguns programas na emissora depois, e temos acesso a eles ainda”, diz o cantor. Quando questionado se o fato de muitas vezes serem associados ao programa os aborrece, Ênio é enfático: “É gostoso, todo artista trabalha para isso, para ter seu trabalho reconhecido, e temos orgulho de tudo que fizemos ao longo da nossa carreira, claro que o programa marcou a nossa trajetória, somos gratos por isso.”

“Minha esposa e eu escolhemos Águas Claras pensando nos nossos filhos que na época eram bem pequenos, queríamos estar perto de escolas boas, estar em um condomínio seguro e que oferecesse opções de lazer para eles. Estamos muito satisfeitos com a vida aqui, tem seis anos que nos mudamos pra cá, e pretendemos ficar por muito anos ainda.”
Ênio Lima, cantor

Exclusiva
Além da carreira independente, os participantes do concurso também precisam inscrever uma música inédita para ser gravado um clipe sob a coordenação da emissora, e a dupla sertaneja escolheu a canção “Exclusiva” que é hoje uma das mais cantadas nos shows. Além desta, Ênio e Gustavo apostam sempre em música autorais e mesclam os shows e os CD’s entre músicas inéditas e versões sertanejas preferidas pela dupla e pelo público. “A nossa influência principal é o sertanejo raiz, como Trio Parada Dura, Tião Carreiro e Pardinho, mas curtimos o novo sertanejo também, tem duplas atuais incríveis.”
Longe da badalação, dos shows e da vida de artista, os cantores tentam levar uma vida mais comum possível. Gustavo mora em Taguatinga e é professor particular de viola e violão, Ênio optou pela agitada Águas Claras e diz que não trocaria a cidade por nenhuma outra no DF.
Quase encerrado, o ano de 2018 foi marcante para a dupla. Além dos 10 anos de carreira completados, eles aproveitaram o ano para dedicar às produções e gravações do CD comemorativo que será lançado em dezembro, e estará disponível nas plataformas digitais. E para 2019 a dupla já começa em janeiro a gravação de outro trabalho, que nasceu primeiramente no coração do Gustavo e seu parceiro abraçou, um projeto caipira só com vozes, viola e violão que contará com o apoio do Governo do Distrito Federal. Para acompanhar o trabalho da dupla e todas as novidades que vem por aí siga pelas redes sociais
@eniolimaegustavoneto.